Você é analista de Departamento Pessoal e não se sente valorizado na empresa? Pode ser também que seu cargo não seja exatamente o de analista de Departamento Pessoal, mas que você execute as funções desse tipo de profissional na empresa, e que também não se sinta valorizado.

Isso é muito comum em empresas brasileiras, nas quais o profissional de DP — geralmente abarrotado de planilhas de Excel e de documentos de funcionários — é encarado mais como um passivo do que como um ativo. Mas não precisa ser assim.

Você pode baixar gratuitamente a nossa Autoavaliação do RH/Departamento Pessoal da sua empresa, que te mostrará pontos fortes e pontos de melhoria

Neste artigo, apresentamos uma lista com 6 habilidades de analista de departamento pessoal valorizadas tanto em pequenas quanto em grandes empresas. Continue a leitura e confira!

1. Dominar as rotinas típicas de analista de Departamento Pessoal

Dentre todas as atividades realizadas pelo analista de departamento pessoal, as principais são:

  • garantir que as rotinas da empresa sigam os termos da legislação trabalhista;
  • estar atento às mudanças nas leis trabalhistas e tributárias;
  • manter-se atualizado quanto às convenções coletivas;
  • relacionar-se com sindicatos;
  • conduzir os processos de admissão, demissão e folha de pagamento;
  • fazer controle da marcação de ponto, colhendo os dados e realizando seu tratamento junto a cada funcionário;
  • realizar o controle de férias dos funcionários, monitorando seus períodos aquisitivo e concessivo;
  • enviar mensalmente ao Contador as informações relativas ao processamento da folha de pagamento
  • e representar a empresa como preposto em ações na justiça do trabalho.

Se o profissional domina as rotinas descritas acima, elas serão realizadas com maior correção e agilidade. Assim, o analista se torna mais valorizado por tabela.

2. Ter especialização na área

Ainda há empresas que mantêm na área de DP profissionais generalistas, aqueles que dominam um pouco de tudo. Tanto que, não raro, testemunhamos profissionais que lidam com Administrativo/Financeiro cuidando das atividades de Pessoal. Até mesmo sócios, quando a empresa possui porte pequeno, podem ser os responsáveis por essas funções em alguns casos.

Contudo, esse cenário precisa mudar para que o setor seja menos operacional e mais estratégico (logo, mais valorizado).

Para isso, é interessante que o analista de departamento pessoal possua uma especialização, pós-graduação ou MBA na área de Recursos Humanos e/ou Gestão de Pessoas. Esse tipo de educação formal dará ao profissional mais estofo e autoridade para desempenhar suas tarefas de Departamento Pessoal no dia-a-dia.

3. Mensurar e apresentar dados

A mensuração e acompanhamento de métricas, em qualquer área empresarial, é indispensável para a empresa que deseja crescer. O DP não é exceção a essa regra: mesmo um departamento primordialmente operacional deve ter metas e índices para balizar os resultados.

Se o profissional de Departamento Pessoal é capaz de apresentar relatórios de custo de turnover, de custo provisionado por colaborador e de headcount, as outras áreas irão olhá-lo com mais atenção.

4. Ter um relacionamento estreito com a Contabilidade

Departamento Pessoal e Contabilidade são duas áreas irmãs, que chegam a se confundir em alguns negócios. Em pequenas e médias empresas, o analista de Departamento Pessoal é quem supre o Contador — que normalmente trabalha em um escritório externo, contratado pela organização — com as informações necessárias para que ele processe a folha de pagamento e envie as guias para as autoridades trabalhistas e tributárias.

Dentre as informações que o DP deve enviar a Contabilidade, encontram-se:

  • proventos e descontos de todos os funcionários, como salário, adicionais e comissões, no caso de proventos; e faltas e afastamentos no caso de descontos;
  • arquivo de ponto tratado, de modo que o Contador possa identificar eventuais horas extras ou atrasos/faltas;
  • dados cadastrais e documentos de colaboradores recém-admitidos e de colaboradores recém-desligados;
  • e notificações de funcionários que estão entrando em férias.

O Contador, em contrapartida, devolve à empresa a Folha de Pagamento fechada, ou seja, com todos os impostos calculados e com todas as guias enviadas ao Governo.

É fundamental que o analista de Departamento Pessoal faça a conciliação da Folha (conferindo se todos os cálculos estão corretos), e que ele saiba se relacionar de forma harmoniosa com o Contador, azeitando a dinâmica das duas áreas.

5. Mostrar capacidade estratégica

O profissional do DP que almeja ser prestigiado na organização deve extrapolar a alçada trabalhista e se mostrar estratégico. Isso significa que ele deve abraçar atividades de RH estratégico, como recrutamento e seleção, treinamento de colaboradores e avaliação de desempenho. Ou seja: ele deve se tornar um profissional de RH completo.

Atualmente, o analista de RH é considerado o principal elo entre todas as áreas da companhia. Por isso, deve estar atento aos anseios dos colaboradores, desde os mais altos níveis de cargo até aqueles mais operacionais. Assim, ele gera um clima positivo dentro da companhia e deixa os funcionários mais satisfeitos.

6. Usar um software de Departamento Pessoal para automatizar as rotinas mais burocráticas

Por mais eficiente e qualificado que o analista de departamento pessoal possa ser, o trabalho braçal envolvido em suas atividades ainda será imenso.

Então, uma das medidas mais importantes para que ele seja valorizado é utilizar um software de Departamento Pessoal que alivie um pouco seu dia-a-dia das responsabilidades burocráticas e que permita que ele tenha mais tempo para se dedicar às atividades estratégicas

Um software de DP deve contar com as seguintes funcionalidades:

  • cálculo da folha de pagamento;
  • controle de férias dos funcionários;
  • gestão de admissões;
  • gestão de desligamento;
  • distribuição de holerites;
  • comunicação com funcionários, entre outras.

Gostou do artigo? Então compartilhe nas redes sociais para que mais pessoas saibam quais as habilidades de analista de departamento pessoal mais valorizadas pelas empresas!

rhConvenia

Sobre o autor

Equipe Convenia

Deixe um comentário