Saiba como o reconhecimento e a motivação de funcionários é influenciada pela avaliação de performance

Avaliação de Performance e ReconhecimentoA avaliação de performance dos funcionários de uma empresa é o primeiro passo para que seja realizado o reconhecimento de profissionais e, consequentemente, para que a motivação dos colaboradores possa ser incentivada e aumentada. Como já foi abordado no nosso último artigo, tanto funcionários subordinados como os responsáveis por cargos de chefia, direção e o setor de recursos humanos, devem estar integrados no processo dessa avaliação, podendo adquirir conhecimento em relação ao desempenho das funções de cada peça que forma o quebra-cabeças de uma empresa.

Por meio da participação de diferentes setores e níveis de funcionários na avaliação de performance, é possivel conhecer melhor tanto o perfil dos colaboradores como as suas aspirações e, ainda, contribuir para o engajamento das equipes no ambiente de trabalho, já que, por meio da participação ativa em um processo como esse, os empregados de uma corporação se sentem mais respeitados e ouvidos por seus companheiros e superiores.

Bônus financeiros ainda são tidos como a maior fonte de motivação para grande parte dos funcionários do mercado de hoje, no entanto, a oportunidade de expor realizações e de participar de maneira mais ativa dentro de determinadas decisões da empresa também pode ser considerada entre as técnicas de reconhecimento.

Muitas corporações contam, hoje, com projetos especiais de carreira e de desenvolvimento de funcionários que registram altos índices de performance e potencialidade, e é preciso lembrar que todos os colaboradores que tenham destaque na execução de suas funções (independentemente do nível de potencial para novos cargos ou tarefas) deve ser reconhecido e motivado de alguma forma pela empresa, garantindo sua satisfação e, consequentemente, sua permanência.

Viagens internacionais, aumento de benefícios e até árticipação nas ações de uma empresa podem entrar nas opções de bonificação para motivar funcionários, e essa é uma escolha que deve ser feita por cada empresa, de acordo com seus recursos e estratégias.

Imagem: reprodução

Sobre o autor

Marcelo Furtado

Cofundador do Convenia, empresa de tecnologia para a área de recursos humanos de pequenas e médias empresas. É responsável pela criação e execução da estratégia de inbound marketing da empresa que já atraiu mais de 15.000 leads. Formado em Administração de Empresas, com pós-graduação em Engenharia Financeira pela Poli-USP, Marcelo iniciou sua carreira na área de vendas da Pepsico. Logo em seguida iniciou uma trajetória em gestão de Hedge Funds internacionais, tendo trabalhado na Carval Investors e Financial Investimentos. Marcelo também é professor de Inbound Marketing na ESPM.

Deixe um comentário