Saiba como uma contratação errada pode provocar altos prejuízos para sua empresa e entenda a importância de um recrutamento bem executado

Recrutamento

Não é necessário ser um especialista no mercado para saber que a contratação de um candidato errado para um cargo pode gerar uma série de problemas para uma empresa; no entanto, quando esse profissional é um executivo, os prejuízos por um recrutamento mal executado podem ser ainda maiores, prejudicando tanto o financeiro como o ‘emocional’ de uma corporação.

De acordo com um levantamento, realizado pela Wyser – divisão de recolocação de profissionais executivos da consultoria GI Group – o recrutamento errado de um executivo pode custar, anualmente, até três vezes o valor do salário deste profissional para a empresa, provando que todo cuidado é pouco na hora de selecionar o candidato ideal para uma vaga.

Ainda segundo o estudo, parte das empresas que contratam um executivo errado para um cargo tem como motivação o fato de que este tipo de função não pode ficar sem alguém para executá-la; o que gera uma seleção mais rápida e menos criteriosa para a escolha do contratado (que acaba sendo um profissional sem a capacidade de exercer bem o trabalho para o qual foi escolhido).

Junto com isso, há, ainda, o fato de que, na grande maioria das vezes, os cargos ocupados por executivos são mais difíceis de se substituir. Com isso, o profissional equivocadamente contratado acaba permanecendo por um longo período em sua função; fato que ocorre pela demora em identificar o erro e pela falta de coragem dos contratantes em assumir este erro específico (feito no momento do recrutamento). A situação é ainda mais agravada pelo pagamento das indenizações diversas que se fazem necessárias quando há o desligamento de um funcionário da empresa.

 Imagem: reprodução

Sobre o autor

Equipe Convenia

Deixe um comentário