Bem-estar no trabalho — Como a promoção da saúde favorece a produtividade nas empresas?

Tempo de leitura: menos de 1 minuto

Trazer saúde para as empresas é muito importante. Para tal, faz-se necessário uma ação conjunta entre todos os envolvidos para melhorar o bem-estar no trabalho. O objetivo é desenvolver a organização e o ambiente da empresa, aumentando a produtividade e a satisfação dos colaboradores.

Portanto, um programa que promova o bem-estar no trabalho beneficia não somente o empregado, mas a empresa como um todo, uma vez que a promoção de hábitos saudáveis entre os colaboradores reflete em uma melhora no desempenho deles.

A seguir, serão listadas os principais benefícios e como esse processo favorece as empresas. Continue a leitura e acompanhe com a gente!

Controle do estresse

Um estudo publicado no livro “Preventing Stress, Improving Productivity”, concluiu que os problemas relacionados ao estresse refletem diretamente em perda de produtividade. Estresse, ansiedade, depressão etc., todos esses problemas têm um impacto negativo direto na produtividade de um indivíduo. Por isso, é necessário que a empresa tenha alternativas para reduzir essas situações, melhorando o foco e a eficiência do colaborador.

Um método bastante eficaz para tal é a quick massage, que, como o nome supõe, consiste em uma massagem rápida realizada no próprio ambiente de trabalho. Essa prática tem como objetivo reduzir o stress, diminuir dores de cabeça e musculares, melhorar o humor e relaxar.

Com isso, uma parada de 15 minutos no ritmo de trabalho para receber a massagem, impacta diretamente na produtividade ao longo do dia daquele colaborador, melhorando-a drasticamente.

Diminuição do absenteísmo

Absenteísmo é a ausência do trabalhador no ambiente de trabalho. Colocando dessa forma, fica óbvio que isso diminui muito a produtividade de uma empresa. Um estudo de Lyman Porter relacionou a satisfação no trabalho com a taxa de absenteísmo, concluindo que quanto mais insatisfeito com o ambiente de trabalho, maior a taxa de ausência do empregado.

Por isso, é importante por parte da empresa, criar condições de bem-estar no trabalho. Isso pode ser feito por meio de um programa de promoção de saúde que englobe todas as formas de bem-estar: mental, emocional e físico.

Um colaborador que está inserido em um ambiente amigável e com saúde no trabalho, dificilmente será uma pessoa com faltas frequentes. A empresa que promove saúde aos seus trabalhadores é vista não apenas como um lugar de trabalho, mas, como uma segunda casa onde o colaborador sente prazer em estar.

Redução do presenteísmo

Diferentemente do absenteísmo, o presenteísmo ocorre quando o funcionário está fisicamente na empresa, mas sua mente não está. Quando isso ocorre, a produtividade cai de forma vertiginosa pois a pessoa está cansada mentalmente e seus pensamentos se tornam confusos.

Um bom programa de promoção de saúde é um poderoso aliado no combate ao problema por meio de algumas medidas simples para aliviar a tensão e equilibrar o lado emocional. Dessa forma, o colaborador pode recuperar a motivação e o foco necessário para realizar o trabalho.

Diminuição do risco de doenças ocupacionais

Doenças ocupacionais são aquelas associadas ao trabalho do indivíduo. As mais comuns são as lesões por esforço repetitivo (L.E.R), asma, dermatose e surdez.

Diversos fatores contribuem para que o trabalhador adquira alguma doença no seu ambiente de trabalho, desde um ambiente insalubre até uma simples cadeira de escritório desregulada. Um estudo publicado no Jornal Europeu de Ciências Sociais mostrou que existe uma forte relação entre a ergonomia e a produtividade no trabalho. O estudo concluiu que quanto mais confortável for o ambiente, mais eficiente é o funcionário.

Por esse motivo, é interessante que a empresa faça os ajustes ergonômicos necessários, adequando o ambiente ao trabalhador. As ações a serem tomadas são bastante variadas e cada empresa tem seus pontos fracos a serem melhorados. Para isso, é importante que a empresa faça uma análise ergonômica do trabalho.

Menos gastos com assistência médica

Um estudo publicado no livro “Health promotion in the workplace” demonstrou que uma das razões mais racionais para implementar um programa de promoção de saúde no ambiente de trabalho é diminuir os gastos com assistência médica. Além das doenças ocupacionais, como foi citado anteriormente, um programa de promoção de saúde nas empresas tem a capacidade de evitar inúmeras doenças como hipertensão, diabetes, osteoporose, obesidade, ansiedade, depressão e várias outras.

Portanto, o incentivo a atividade física, alimentação saudável e controle do estresse são medidas de extrema importância para a empresa melhorar a qualidade de vida dos colaboradores e, com isso, diminuir drasticamente os gastos com assistência médica.

Otimização de tarefas

Promover saúde na empresa pode fazer com que o empregado seja mais rápido na realização de tarefas. Isso acontece, principalmente, pois os hábitos saudáveis são responsáveis pela manutenção de um estado de concentração e agilidade mental.

Dentre as alternativas mais recomendadas para esse fim, temos a atividade física e a alimentação. A empresa pode promover essas práticas de diversas formas, como criando sessões de exercícios aeróbicos antes ou depois do expediente.

Para melhorar a alimentação, seria interessante disponibilizar e incentivar um acompanhamento nutricional, para dar aos empregados um direcionamento preciso na sua dieta, enfatizando, sobretudo, a ingestão de vitaminas do complexo B e em sais minerais, que são nutrientes importantes para o funcionamento do cérebro.

Redução de custos para contratar e treinar novos empregados

Uma empresa que oferece uma estrutura de bem-estar à sua equipe, com certeza terá uma retenção maior de colaboradores. Empregados satisfeitos com o ambiente de trabalho dificilmente terão vontade ou necessidade de sair da empresa.

Isso é ótimo para a organização, pois além de diminuir custos, cultivará pessoas experientes e que possuem familiaridade com o ambiente da empresa.

Sendo assim, fica fácil ver os benefícios de cultivar um ambiente de bem-estar no trabalho e, para alcançar isso, vimos, também, a importância de ter um programa de promoção da saúde nas empresas que seja voltado tanto ao funcionário como indivíduo, quanto à equipe como um todo.

Tenha em mente, portanto, que o sucesso da empresa depende do trabalho dos colaboradores e que para que esse trabalho seja o melhor possível, eles precisam ter condições para isso.

Por fim, se quiser manter contato e ficar atento às novidades, não esqueça de nos seguir no Facebook, Linkedin, Youtube e Twitter!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *