Saiba como formar uma equipe de alto desempenho

Saiba como formar uma equipe de alto desempenho

Tempo de leitura: 8 minutos

Com a competitividade tão forte no mercado, ter uma equipe de alto desempenho é um diferencial inevitável para qualquer organização que deseje se manter saudável.

Quando essa estratégia abrange uma equipe inteira, a sinergia faz com que a empresa alcance resultados extraordinários. Então, é responsabilidade do gestor buscar esse objetivo.

Neste artigo, você entenderá por que é importante procurar constantemente um alto desempenho e descobrirá ações essenciais para formar uma equipe de excelência. Acompanhe!

Qual é a importância do alto desempenho?

O alto desempenho no ambiente empresarial é um dos aspectos que definem o potencial de crescimento de uma equipe ou profissional.

Enquanto a competência já é tida como uma premissa básica, buscada em todos os perfis de trabalhadores, é a capacidade de manter um alto nível de performance que se apresenta como diferencial no mercado de hoje, e alguns fatores se destacam como primordiais para que esse nível de excelência seja atingido.

Equipes de alto desempenho no trabalho tem motivação, objetivos estabelecidos e paixão pela profissão como características de destaque.

De acordo com o artigo de Eugênio Mussak, consultor da Sapiens Sapiens (empresa especializada no desenvolvimento de programas de liderança de equipes), publicado na VOCÊ S/A, a paixão pelo trabalho é um dos fatores mais importantes para compor uma equipe de alto desempenho, tendo em vista que o nível de exigência e demanda de quem atinge esse patamar de performance é bastante alto.

Necessidade de definir objetivos

Contar com objetivos claramente definidos é o primeiro passo para alcançar um desempenho além do satisfatório, já que o profissional necessita de uma missão específica que mereça sua dedicação, podendo elaborar a melhor estratégia e as ações mais apropriadas para a causa que defende.

Tendo isso estabelecido, é preciso que o time formado para a tarefa seja não somente atraído por seu trabalho, mas também entrosado e confiante, vendo prazer em aceitar novos desafios.

Profissionais que lidam bem com grandes riscos e que têm facilidade em ajudar e trabalhar em equipe estão entre os mais comuns em projetos que destacam o alto desempenho.

Motivação para o alto desempenho da equipe

De volta à questão da motivação (frequentemente abordada e tida como um dos fatores mais importantes para o bom funcionamento de todos os setores de grandes corporações), contar com um líder inspirador é fundamental para criar uma equipe de performance excepcional. Isso porque, somente com a gerência de um profissional em busca constante de melhorias e novas conquistas, uma equipe se sente impulsionada a atingir os maiores níveis de desempenho e alcançar a excelência.

Fatores essenciais para formar uma equipe de alto desempenho

Uma equipe de alto desempenho pode fazer toda a diferença no sucesso, nas vendas e nos lucros de uma empresa. Cientes desse fato, cada vez mais gestores buscam alternativas práticas e eficientes para aumentar a motivação, a produtividade e a satisfação de seus subordinados.

Para facilitar a elaboração de estratégias certeiras, que formem uma equipe de alto desempenho, elaboramos uma lista especial com dez itens importantes que devem ser levados em consideração na hora de planejar ações de incentivo — permitindo que os gestores se organizem de forma a se comunicar com seus subordinados e motivá-los de maneira rápida, simples e eficaz.

Confira, a seguir, 10 passos essenciais para gerar satisfação e formar equipes de alto desempenho.

1. Foco na liderança

Conforme exposto anteriormente, passar segurança e motivação aos colaboradores é uma das grandes responsabilidades de um gestor. Ele deve dar exemplos, planejar ações, estabelecer funções, estimular funcionários e acompanhar de maneira ativa os esforços e os resultados das equipes sob o seu comando.

Esse acompanhamento é fundamental na gestão e se potencializa por meio da liderança situacional, que traça caminhos e personaliza as ações de acordo com o momento vivido pela equipe.

2. Comunicação aberta

Manter a comunicação aberta e direta com os funcionários é uma das grandes chaves para o sucesso de gestores que comandam equipes de alto desempenho.

Portanto, a porta do líder deve estar sempre aberta para os seus liderados, possibilitando que tarefas não sejam interrompidas em função de dúvidas corriqueiras e que resultados não sejam considerados um fracasso por falta de orientação na hora da realização de diferentes tarefas.

Além de aberta, a comunicação deve ser eficaz, o que significa ser mais precisa e alinhada com os objetivos estratégicos da empresa. A dica é ser conciso e transparente para aperfeiçoar a comunicação.

3. Firmeza no ato de delegar

Conhecer bem os subordinados — assim como suas principais funções e talentos — é essencial para saber a quem delegar tarefas importantes para que elas sejam realizadas da melhor maneira.

Um aspecto essencial é passar segurança nas informações, a fim de que a equipe sinta a confiança necessária para produzir. É normal que o líder busque um tempo para pensar e formar o raciocínio, mas isso deve ser rápido. Quando formada, a estratégia deve ser passada com firmeza.

4. Feedback constante

Para que possam se guiar e aprimorar as habilidades que apresentam algum tipo de deficiência, os funcionários necessitam de feedbacks de maneira constante — possibilitando, dessa forma, uma atuação cada vez melhor.

Esse feedback deve ser rápido e repassado de forma construtiva, para não desestimular a equipe e aperfeiçoar cada vez mais o fluxo de trabalho. Assim, o time terá o suporte necessário para aumentar sua performance.

5. Motivação de funcionários

Colaboradores desmotivados são pouco produtivos e, em muitos casos, verdadeiros produtores de desastres. É preciso buscar formas de manter a equipe animada e disposta a cumprir as tarefas da melhor forma possível.

A sinergia, o ambiente e a política de benefícios são alguns dos fatores que contribuem especialmente para que a motivação dos funcionários permaneça. Então, fique atento a esses detalhes para incentivar uma produção de alta performance.

6. Estratégia clara

As metas a serem alcançadas pela equipe devem ser sempre bem explicadas e objetivas, permitindo que cada colaborador saiba como caminhar em direção ao sucesso de forma conjunta.

A obscuridade e a complexidade devem ser substituídas por ações simples e eficazes. É preciso saber aonde o negócio quer chegar, ter uma meta realista e oferecer suporte para a sua execução.

7. Diversidade no time

É fundamental contar com pessoas com diferentes habilidades e perfis numa mesma equipe, para que elas possam se ajudar e complementar as tarefas de maneira colaborativa — promovendo ainda mais sinergia entre os colegas.

Não só as diferenças físicas, mas culturais e de pensamento, podem agregar valor ao capital intelectual e oferecer um raciocínio por diversos ângulos diferentes. É uma forma de enriquecer o pensamento colaborativo da empresa.

8. Administração de fases críticas

Embora a diversidade de perfis seja necessária, isso pode trazer diversos conflitos de comunicação — e é responsabilidade do líder saber como lidar com esse tipo de problema, bastante comum no mercado atual de trabalho.

Os conflitos são naturais até certo ponto, devido à divergência de opiniões. O que não deve acontecer é a ultrapassagem dos limites, o que prejudica o clima organizacional da empresa.

9. Busca por soluções

Incentivar colaboradores a buscar soluções e resoluções para problemas diferentes é essencial. O gestor deve tanto impulsionar esse tipo de atividade como supervisioná-la.

Em um ambiente colaborativo, o que mais vale é a solução do problema. Então, não busque a culpa nas pessoas, mas nos processos ou equipamentos. A dica é não focar na adversidade, mas na resposta.

10. Harmonia entre os colegas

A harmonia e a sinergia entre os componentes de uma equipe é fundamental para o seu bom funcionamento, possibilitando a abertura para novas ideias sem deixar de lado os objetivos principais a serem alcançados ou a boa comunicação entre os colegas.

Promover encontros sociais ou reuniões que permitam o debate de ideias pode ser útil para aproximar as pessoas e criar um refúgio mental para melhorar o desenvolvimento de novos raciocínios.

Chegamos ao final do nosso artigo. Lembre-se de que não há uma fórmula mágica, mas um caminho que geralmente leva ao sucesso. Então, é bom procurar seguir nossas dicas, mas adaptá-las de acordo com seu feeling.

No caminho para ter equipes de alto desempenho, a inovação assume um papel especial. Aproveite a oportunidade e baixe o nosso e-book: “Guia completo: o uso da tecnologia para aumentar a produtividade“!

Convenia e Tangerino - Ebook gestao de equipes externas

4 Comentários


  1. Boa noite!
    Gostei da matéria. Ela é bem sucinta, e abrange um conteúdo explicativo de qualidade. Onde podemos absorver as informações e usa-las no dia à dia em nossas funções de liderança.

    Obrigada,
    Att: Sidy Andrade

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *