Gestão e organização horizontal nas empresas: como se adaptar?

Gestão e organização horizontal nas empresas: como se adaptar?

Saiba de que forma um novo molde de chefia vem invadindo o mercado global e como se preparar para estar adaptado a ele

chefia

O mercado global cria novas formas de gestão e hierarquia em uma velocidade acelerada nos dias de hoje, fazendo com que os profissionais acostumados com a relação entre “superior e subordinado” se encontrem um tanto perdidos com as propostas de inovação que surgem a cada dia. No entanto, novos modelos de chefia se popularizam cada vez mais no Brasil e no mundo, e a capacidade de se adaptar às mudanças do mercado é, cada vez menos, uma opção.

Empresas como Zappo e Vagas Tecnologia já adotam, atualmente, uma noção de chefia completamente horizontal – onde não há chefes propriamente ditos e todo o trabalho é realizado por meio de colaborações e reuniões abertas – e grandes corporações como IBM e Odebrecht já se mostram simpatizantes com o conceito; provando que a evolução desse tipo de modelo veio para ficar.

Em função disso, confira oito passos para iniciar sua adaptação às novas normas de hierarquia que devem ser cada vez mais presentes no mercado ao longo dos próximos anos, e saiba como permanecer e evoluir na sua carreira sem problemas:

  1. Organize seu tempo
    Não haverá um chefe para definir sua agenda, e seu tempo deve ser bem aproveitado por meio da sua própria organização.
  2. Saiba quais são suas prioridades
    Você deve saber o que é mais importante a fazer, já que não haverá quem determine sua prioridades no trabalho.
  3. Tenha recursos próprios para se motivar
    Sem um líder específico, é essencial saber se ‘automotivar’ para seguir produtivo.
  4. Comunicação é fundamental
    Se em uma empresa com moldes tradicionais de chefia a comunicação já é palavra-chave, em uma corporação de modelo horizontal isso é ainda mais importante para sobreviver e evoluir.
  5. Evite e amenize conflitos
    A comunicação também entra nesse quesito, facilitando o gerenciamento de conflitos (já que não haverá gestores e chefes para fazer isso).
  6. Pratique a proatividade
    Não espere que lhe peças para executar uma tarefa necessária – até por que, não haverá um chefe para ordenar o que deve ser feito.
  7. Esteja preparado para diferentes funções
    As funções se misturam em uma empresa onde a ideia de gestão é horizontal, e é preciso estar pronto para cumprir tarefas de presidente e de estagiário com a mesma qualidade.
  8. Abuse da criatividade
    A capacidade criativa é a melhor ferramenta de um profissional para encontrar a solução de problemas e, por isso, abuse da sua.

Imagem: reprodução

New call-to-action

Equipe Convenia

Nós somos uma HR tech, com soluções voltadas para otimização de tempo e custos de pequenas e médias empresas. Nascemos há alguns anos, com o objetivo de trazer alta tecnologia para o setor de RH, de forma acessível e prática. Desde então temos trabalhado fortemente para que nossos produtos evoluam junto com os nossos clientes, pois entendemos que diminuindo o tempo gasto com rotinas operacionais, as empresas tem mais tempo para as pessoas. Atualmente nossas soluções abrangem plataforma de gestão de departamento pessoal, contratação e gestão de benefícios, onde você pode gerir todo seu time em um sistema em nuvem.

Contribua com este post