Saiba como calcular o valor da sua hora extra de maneira correta e evite complicações na hora de receber sua bonificação

 

Nem sempre a carga horária semanal de trabalho é suficiente para produzir e entregar todas as tarefas demandadas, e quem faz parte da força ativa no mercado de hoje, sem dúvidas, já está familiarizado com este fato. É claro que a hora extra é uma velha conhecida de muitos trabalhadores com funções onde a demanda é constante; mas o cálculo do valor dessas horas adicionais de serviço, no entanto, ainda não é conhecido por muitos – gerando uma série de dúvidas e até confusões entre empresas e funcionários.

Para saber como calcular o valor da hora extra de maneira correta, portanto, é preciso, primeiramente, saber qual é o valor exato da sua hora trabalhada – que é calculada a partir do número de horas semanais trabalhadas multiplicadas pelo número de semanas de serviço no mês. O valor completo do salário do trabalhador em questão é dividido pelo resultado da conta exposta anteriormente, resultando no valor de cada hora de serviço do colaborador.

Com este primeiro número em mãos, é hora de fazer a conta para descobrir o quanto vale a sua hora extra de trabalho. Para isso, usa-se o valor da hora trabalhada como base e é somado 50% a este número, resultando no valor da hora extra de serviço prestado. Por exemplo: se a sua hora trabalhada vale R$ 10, a sua hora extra irá valer R$ 15; já que R$ 10 + R$ 05 (50% de R$10) = R$ 15.

Após a realização dos cálculos expostos, basta multiplicar o valor da sua hora extra pelo número de horas em que trabalhou além do exigido no mês para saber qual será o montante extra que deve entrar na sua próxima folha de pagamento.

Verifique sempre o acordo previsto na convenção coletiva da categoria a qual o empregado pertence.

Imagem: reprodução

folha de pagamento excel

Sobre o autor

Equipe Convenia