Perfil de líder: como identificar? Características e atribuições

Perfil de líder: como identificar? Características e atribuições

Perfil de líder: como identificar? Características e atribuições

O conceito de líder, às vezes, pode parecer uma coisa simples de entender. Aquele que exerce o cargo de chefia pode parecer um líder, mas nem todo chefe é um líder. Como veremos ao longo deste artigo, um perfil de líder ideal vai muito além de apenas atribuir funções. Continue acompanhando!

Qual é o perfil de liderança ideal?

O perfil de liderança ideal deve ir ao encontro do perfil de cada empresa e suas necessidades. O papel do líder é integrar a equipe, ouvir suas ideias e fazer com que eles se sintam confortáveis em apresentar soluções e tomar decisões. 

Em contrapartida, há como liderar com uma pauta focada em um conceito mais humanizado, onde o líder procura entender seus liderados como um todo, nas óticas do corpo, coração e mente, conhecendo suas histórias e experiências, para então ajudá-los a desenvolver sua criatividade. Também é possível exercer outro perfil, que enfatiza um modelo de liderança estratégica sistematizado por meio de metas e objetivos a serem atingidos. 

Sejam estes ou outros estilos de liderança, cada um deles precisa se adequar perfeitamente à cultura e valores da empresa, para que se torne o ideal para a organização.

Quais são as competências de um líder?

Depois de apresentar alguns modelos de liderança, é preciso pensar agora nas características e competências que um bom líder deve ter. Tais  preceitos mostrarão o perfil de líder ideal que será essencial para o sucesso da equipe.

Comunicação

Um bom líder é aquele que possui a habilidade de comunicar-se de maneira clara, confiante e honesta. Além disso, ele precisa saber ouvir, estando sempre disponível e receptivo aos seus liderados. Para isso, deve se manter em prontidão para receber novas ideias e soluções, entendendo que não é o detentor de todo conhecimento.

Motivação

Outro ponto importante diz respeito à maneira com que o líder motivará sua equipe. Uma equipe motivada é sem dúvida mais produtiva, criativa e inovadora. Essas são as características que um bom líder deve incentivar em seus liderados. Motivá-los será a chave para o sucesso em seus objetivos, além de criar um ambiente agradável onde todos trabalhem de maneira cooperativa para a obtenção das metas traçadas. 

Delegação

Delegar tarefas é uma outra habilidade que um bom líder possui. Saber distribuir tarefas entre os membros da equipe é considerado uma importante competência, pois são elas que permitem que a equipe se sinta mais confiante, aumentando a responsabilidade, o conhecimento e fazendo com que todos evoluam. O líder deve conhecer bem seus liderados para delegar as tarefas certas para cada membro, difundindo suas ideias com clareza, transmitindo os valores, ideias e a missão da empresa, sendo sempre um exemplo a ser seguido. 

Positividade

Ser positivo mesmo em meio a fracassos, percebendo-os como um modo de aprendizado, indica uma das características do perfil de líder. Buscar o bem-estar dos liderados faz com que eles sejam mais produtivos, engajados e eficientes, o que a longo prazo irá se transformar em resultados melhores. 

Confiabilidade

Uma relação de confiança não é algo que se constrói rapidamente. No meio empresarial este relacionamento deverá ser edificado dia a dia. Quando um líder transparece honestidade e autenticidade, ele se torna mais acessível ao olhar de sua equipe. A confiança é uma via de mão dupla. Um líder ao demonstrar que confia em seus liderados criará um ambiente de confiança mútua.

Criatividade

Frente a algumas situações em que as decisões a serem tomadas não possuem uma resposta correta ou clara, o líder precisará ser criativo para encontrar soluções muitas vezes fora dos padrões. Ele também deve inspirar todos da sua equipe a serem criativos e inovadores, motivando-os a explorarem suas ideias sem medo do certo ou errado. Um bom líder é aquele que constantemente incentiva sua equipe a pensar “fora da caixa”.

Feedback

Ao delegar tarefas e autonomia aos seus liderados, dando-lhes a oportunidade de tomar suas próprias decisões, o líder incentiva-os. Por meio do feedback, ele terá a oportunidade de dar um retorno à equipe no que diz respeito a sua performance, seus pontos fortes e fracos, sempre incentivando-os ao aprimoramento e a inovação. 

Responsabilidade

Ser responsável por seus liderados e pelo sucesso ou fracasso da equipe é uma das competências de um líder, principalmente frente aos fracassos quando uma equipe se sentir desmotivada. Nesses momentos, a figura de um bom líder fará toda diferença para que o moral da equipe não diminua, fazendo com que o time aprenda com os erros e se sinta motivado a prosseguir e melhorar. 

Comprometimento

O líder é um exemplo a ser seguido quando este demonstra seu comprometimento com os valores e a missão da empresa, bem como, com sua equipe, pois esta lhe demonstrará o mesmo nível de comprometimento.

Flexibilidade

O líder exerce um grande papel em meio à crise e mudanças. Quando elas surgem, cabe a ele buscar soluções inovadoras e criativas para a resolução de tais problemas. Estando também sempre aberto a ouvir o que sua equipe têm a dizer, seus feedbacks e ideias devem sempre ser apreciadas para a criação de um ambiente agradável, onde todos sintam que possuem voz. 

Quais são as principais características de um líder? 

Os profissionais que buscam progresso e  destaque em cargos de gestão no mercado de hoje, precisam, necessariamente, ter ideia do tipo de qualidade que compõe um perfil de líder. Levando em conta que mesmo os que sabem os fatores que formam um profissional expert em liderança, ainda encontram os mais diversos problemas para evoluir na carreira, fica ainda mais óbvia a necessidade não só de entender bem estes itens, mas também de executá-los no dia a dia de trabalho com maestria.

Confira, a seguir, quais são as principais qualificações para um perfil de líder, e comece a se capacitar para conquistar o seu lugar na liderança.

Respeite seus colaboradores e confie no trabalho deles

Funcionários que não sentem respeito ou confiança por parte de seus chefes tendem a se tornar extremamente desmotivados e, consequentemente, improdutivos.

Escute com atenção e oriente seus funcionários

É preciso saber ouvir as opiniões e visões dos funcionários angariando informações para orientá-los da melhor forma para que atinjam seus objetivos e contribuam com a empresa.

Tenha empatia e seja compreensivo

Entender o lado dos colegas de equipe é uma qualidade essencial para se dar bem na liderança e ganhar a confiança de quem atua ao seu lado.

Seja persistente e mantenha-se motivado no dia a dia

Um chefe apático e desmotivado não é capaz de inspirar ninguém.

Domine a arte do feedback

Saber como dar feedback aos funcionários é importante tanto para que se sintam reconhecidos como para que entendam qual aspecto do seu trabalho ainda merece atenção e aperfeiçoamento.

Saiba como inspirar e motivar

Ter uma comunicação aberta e clara é um dos caminhos para motivar funcionários. Manter atitudes que possam dar o exemplo aos subordinados é algo essencial para melhorar o desempenho de todos.

Saiba como desenvolver estratégias

Dominar a arte de traçar metas e planos que possibilitem a conquista do que foi estabelecido é uma das mais importantes capacidades que um líder pode ter.

Delegar é fundamental

Não ter medo de delegar e saber como orientar e guiar a equipe é outro ponto fundamental para uma boa liderança.

Desenvolva a capacidade de inspirar funcionários

A capacidade de se relacionar bem com colegas de equipe (seja em cargos de chefia ou subordinados), a abertura para comunicação e a gestão de crises também são fatores de extrema relevância para que um profissional se torne um bom líder.

No entanto, junto com todos os itens já citados, há outro de extrema influência, e que pode facilmente definir o sucesso ou o fracasso de um profissional que se julga dentro do perfil de líder: a sua capacidade de inspirar funcionários. O que parece uma afirmação um tanto quanto óbvia para muitos, na realidade, não é um fator para o qual 100% das empresas atuais foquem suas atenções, o que pode trazer muitas dúvidas e retardar o desenvolvimento de uma equipe.

Para esclarecer a questão, basta lembrarmos do quão importante a motivação e o reconhecimento são para os funcionários de qualquer corporação. Com isso em mente, fica mais claro que, para se sentir motivado no trabalho, um colaborador precisa de inspiração; e poucas coisas podem incentivar mais um funcionário do que ser comandado por um líder que, não só se interessa por seu trabalho e pelo desenvolvimento do seu time, como também sente prazer em realizar suas funções – sejam elas quais forem.

Quanto mais interessado for um líder em relação ao seu universo de trabalho e ao melhor desempenho de seus funcionários, mais segurança e incentivo ele estará passando para seus subordinados. Por meio do interesse e do conhecimento do mercado em que atua, uma pessoa em posição de liderança conta com mais ferramentas para se comunicar e gerenciar equipes de trabalho, fato que, automaticamente, permite a um líder promover ações de engajamento entre seus subordinados de maneira natural.

Como identificar o perfil de líder?

A procura por funcionários que possuam um perfil de líder tem se tornado uma grande questão no meio empresarial. A contratação de colaboradores que exerçam influência motivacional sobre os outros membros da equipe tem sido um ponto-chave para o sucesso nos negócios. Mas, quais pontos são importantes para identificar quais funcionários possuem esse perfil? Iremos enumerar cinco das principais competências que deverão ser identificadas. 

1. Avaliando a Inteligência emocional

Para identificar quais de seus funcionários possuem o perfil de líder, uma das principais características a ser percebida é a inteligência emocional. Enxergar como os liderados agem nos momentos de crises ajuda a entender como agirão em um cargo de chefia, pois tornar-se um líder trará uma pressão ainda maior, além da cobrança e dos desafios do gerenciamento de outras pessoas. Sendo assim, tal pessoa deve ter controle sobre suas emoções. 

2. Classificando a Comunicação interpessoal

Como um dos itens de maior importância para um líder, a comunicação interpessoal é um dos pontos em todo o ambiente empresarial. Comunicar-se de forma clara evitará conflitos e más interpretações. Buscar  pessoas que possuam a habilidade de comunicar suas ideias de maneira clara e eficiente, deixando claro o seu ponto de vista e objetivos a serem alcançados, entregando feedback de maneira fácil de se compreender, ditando o bom funcionamento da equipe, é uma das maneiras assertivas de identificar bons gestores.  

3. Analisando o Relacionamento com a equipe

Outro ponto a ser analisado para a identificação daquele que possui o perfil necessário para o cargo de liderança, é a forma como este se relaciona com seus colegas de trabalho e seus chefes. Um bom líder é aquele que inspira e motiva sua equipe, a quem seus liderados depositam sua confiança, promovendo um ambiente agradável e harmonioso.

4. Medindo o Gerenciamento de crises e conflitos

Avaliar a forma como as pessoas lidam em meio a crise e conflitos, suas ações frente aos problemas demonstrará como o funcionário agirá em uma posição de liderança. Saber gerenciar as crises e conflitos internos e externos é uma habilidade essencial para o bom funcionamento de uma equipe. 

5. Estimando a capacidade de se adaptação às mudanças

Encontrar funcionários que não tenham medo da mudança e estejam sempre disponíveis a receber novos desafios, é uma das competências mais buscadas hoje em dia. As mudanças são inevitáveis na vida e, no meio empresarial não é diferente. Projetos podem mudar de uma hora para outra, então, encontrando um funcionário que saiba manter-se focado e que seja criativo e inovador, estará encontrando um futuro líder. 

Ao longo deste artigo discorremos um pouco acerca do perfil de líder, suas características,  atribuições e como identificá-las. Para saber mais sobre o papel da liderança, acesse o webinar gratuito: O papel da liderança em tempos de crise.

New call-to-action

Marcelo Furtado

Marcelo Furtado é administrador de empresas com pós-graduação em engenharia financeira pela Poli-USP. Iniciou sua carreira na Pepsico e posteriormente trabalhou 8 anos com gestão de ativos em hedge funds. É cofundador da Convenia, primeiro software na nuvem de gestão de departamento pessoal voltado para pequenas e médias empresas no Brasil. Marcelo também atua como professor de Marketing Digital na ESPM-SP e mentor na ACE e Google Campus.

Contribua com este post