Software para gestão de Recursos Humanos: conheça as principais vantagens

Software para gestão de Recursos Humanos: conheça as principais vantagens

Software para gestão de Recursos Humanos: conheça as principais vantagens

O RH lida com várias rotinas importantes para a empresa, como: atração e retenção de talentos, formação de equipes de alto desempenho, gestão de benefícios e do programa interno de treinamentos. Com tantas responsabilidades, o setor precisa de tecnologias para otimizar demandas e um  software para gestão de recursos humanos é a solução ideal.

Neste artigo, mostraremos por que é importante investir nesse tipo de aplicação. Falaremos também sobre como o RH pode implantar uma cultura interna voltada para a transformação digital. Acompanhe os próximos tópicos!

Por que investir em um RH automatizado?

As empresas que investem na automação do RH conseguem excelentes ferramentas virtuais para a gestão de pessoas. Dessa forma, o RH ganha serviços a nível de excelência. Afinal, o software realiza com precisão tanto as tarefas burocráticas quanto as que envolvem a mensuração de aspectos comportamentais dos colaboradores.

A seguir, elencamos alguns dos principais benefícios que a empresa obtém por meio da implantação de um software para gestão de recursos humanos.

Economia de tempo na rotina

Existem algumas demandas do RH que consomem uma grande quantidade de tempo dos colaboradores. Como exemplo, podemos citar a gestão da folha de pagamento, o controle da jornada dos profissionais, os processos admissionais e os demissionais.

Essas e outras tarefas são automatizadas pelo software de RH. Sendo assim, os profissionais podem dedicar suas horas de trabalho a projetos internos mais estratégicos que ajudem a empresa a atingir metas importantes.

Maior segurança no controle de informações

Muitos dos dados armazenados pelo RH são confidenciais. Por isso, essas informações precisam ser guardadas em locais seguros que impeçam o seu vazamento, roubo ou perda. Esse cuidado deve ser redobrado agora que foi aprovada a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD).

Com a ajuda de um software de gestão de RH alocado na nuvem, a empresa terá um sistema confiável para guardar seus arquivos. Além disso, cumprirá os requisitos da LGPD sobre o ciclo de vida de determinados documentos e o descarte correto de dados considerados sensíveis.

Diminuição de retrabalho

O retrabalho gera prejuízos financeiros para o RH, bem como afeta diretamente a produtividade dos profissionais. Muitas vezes, essas refações se originam na falta de atenção, cansaço ou excesso de trabalho da equipe de recursos humanos.

Outra razão para retrabalhos vem do uso de planilhas e arquivos físicos que tendem a favorecer erros de cálculos trabalhistas e a perda de prazos para o envio de informações importantes ao eSocial.

Por outro lado, o software de RH é uma tecnologia baseada na inteligência artificial e, por isso, imune aos erros humanos. Sendo assim, as demandas internas e os prazos fluem sem os impedimentos vindos da necessidade de consertar erros ou cumprir pendências.

Tenha um setor preparado para a transformação digital

O estudoThe Future of RH 2019: In the Know or in the No – The gulf between action and inertia”, produzido pela KPMG, lançou luz sobre a utilização da tecnologia no RH Segundo esses dados:

  • 60% das empresas entrevistadas pretendem investir em tecnologias de análise preditiva;
  • 53% disseram que desejam melhorar a automação de processos;
  • 47% revelaram que querem investir mais em inteligência artificial.

Diante dessas informações fica claro que muitas organizações estão empenhadas na busca por ferramentas virtuais eficientes. Nesse cenário, o RH deve despontar como exemplo em possuir uma cultura voltada para a transformação digital.

Tendência do RH digital e estratégico

O conceito do RH digital e estratégico utiliza ferramentas tecnológicas para tornar as demandas internas mais inteligentes e ágeis. Dessa forma, o setor consegue melhorar processos importantes como:

  • o recrutamento e a seleção de colaboradores;
  • a gestão de competências do time;
  • a mensuração e a análise de indicadores de desempenho (KPIs);
  • a política de employee experience (experiência do colaborador).

Esse é o tipo de RH que estará presente no futuro. A confirmação dessa frase é tida no estudo “Returning to work in the future of work – Embracing purpose, potencial, perspective, and possibility During COVID-19”, produzido pela Deloitte Insights.

Segundo esses dados, as tecnologias ajudarão o RH a remodelar o ambiente de trabalho para a adoção, por exemplo, de novos modelos de jornada flexíveis e a capitalizar as competências humanas após a pandemia da COVID-19

Sendo assim, podemos dizer que o RH 4.0 é uma mudança na mentalidade da gestão de pessoas proporcionada pela ascensão da tecnologia na sociedade.

Aumento do modelo de trabalho a distância

O trabalho remoto e os seus desdobramentos (home office e jornada híbrida), são uma forte tendência para os próximos anos. Muitas empresas já estão remodelando seus espaços físicos pensando em uma equipe que: ora estará em home office, ora no escritório – ou que nem pensa em pôr os pés nele.

De acordo com dados da pesquisa “What’s next for remote work”, produzido pela McKinsey Global Institute, o trabalho remoto tem grandes possibilidades de crescimento nos países desenvolvidos, mas principalmente nos subdesenvolvidos.

Esse cenário de flexibilidade de ambiente de trabalho exige que o RH repense as suas estratégias tecnológicas, investindo em soluções que integrem as equipes e elevem a produtividade das demandas.

Priorize um Software para gestão de Recursos Humanos

O software para gestão de recursos humanos é uma tecnologia eficiente largamente utilizada pelas empresas. Por isso, se o RH deseja iniciar um processo de aquisição de ferramentas virtuais, obter esse tipo de aplicação é um bom começo.

Além das funcionalidades eficientes, o software de RH permite a integração com outras tecnologias, como o software para gestão de departamento pessoal, do financeiro, da contabilidade e da área de cargos e salários.

Desse modo, o setor terá um acesso fácil a informações de áreas que têm demandas relacionadas com os seus serviços internos. Um exemplo é a gestão da folha de pagamento que precisa de dados tanto do departamento pessoal quanto do financeiro.

Olhando para o futuro, podemos ver um RH cada vez mais tecnológico – e isso é ótimo. Afinal, esse é o caminho para demandas inovadoras e novos projetos estratégicos.

Sendo assim, o software para gestão de recursos humanos abre as portas da inovação para o RH. O resultado disso será uma equipe interna bem gerenciada, produtiva e eficiente. Além disso, o setor contribuirá e muito para o sucesso das estratégias globais da organização.

Confira no infográfico abaixo um guia para aproveitar o teste grátis da plataforma de gestão de RH da Convenia

New call-to-action

Marcelo Furtado

Marcelo Furtado é administrador de empresas com pós-graduação em engenharia financeira pela Poli-USP. Iniciou sua carreira na Pepsico e posteriormente trabalhou 8 anos com gestão de ativos em hedge funds. É cofundador da Convenia, primeiro software na nuvem de gestão de departamento pessoal voltado para pequenas e médias empresas no Brasil. Marcelo também atua como professor de Marketing Digital na ESPM-SP e mentor na ACE e Google Campus.

Contribua com este post