Motivação no trabalho: práticas e dicas para aumentar a produtividade

Motivação no trabalho: práticas e dicas para aumentar a produtividade

Poucos gestores duvidam de que funcionários motivados são funcionários produtivos. O fator motivação no trabalho (ou engajamento), portanto, não deve ser jogado para escanteio ou tratado com pouca prioridade pelos que almejam altos níveis de produtividade e eficiência por parte dos colaboradores.

Atingir patamares elevados de engajamento pode ser barato – se você souber quais ações tomar. Vale salientar que o sucesso começa pelos líderes da organização. O papel deles não se restringe apenas a definir e aprovar as práticas: é preciso que eles também participem e que também zelem pelos canais de comunicação interna que serão usados para divulgar as ações.

Se você trabalha com Recursos Humanos e sente que pode contribuir para fomentar a motivação dos funcionários da sua empresa (mas não sabe como começar), está no lugar certo. Continue acompanhando a leitura!

Qual o papel do RH na motivação no trabalho?

O RH lida diretamente com o principal ativo de uma organização: os colaboradores. Por isso, o setor tem um papel fundamental na motivação de toda a equipe, afinal, a motivação está ligada à melhora da performance dos profissionais na empresa. Os gestores devem trabalhar de forma estratégica para motivar os profissionais e assim alcançar o sucesso dos negócios.

Para isso, o RH deve trabalhar em alguns fatores essenciais dentro de uma companhia. Veja alguns:

  • Cultura organizacional: quando a cultura de uma empresa é bem definida, tendo os colaboradores como parte do time e com um papel fundamental no desenvolvimento dos negócios, a equipe se sente mais motivada. Portanto, promova um ambiente de comunicação transparente, em que os valores e visão da empresa são claros para todos. Além disso, lembre-se de utilizar o Fit Cultural nos processos seletivos.
  • Política de benefícios: a oferta de um bom plano de benefícios é uma das práticas de motivação dentro das empresas. Vá além dos benefícios básicos, atente-se às necessidades dos colaboradores e entenda o que oferecer para aumentar a satisfação da equipe e fazer escolhas mais estratégicas. 
  • Programa de treinamento e desenvolvimento: capacitar os colaboradores é uma excelente estratégia para aumentar o desempenho e a motivação da equipe. Quanto maior o domínio sobre uma tarefa, menor será o número de fracassos e desistências.

A importância de estimular a motivação no trabalho

Veja os benefícios que estimular a motivação no trabalho proporciona e entenda o porquê isso é tão importante nas empresas:

Aumenta a produtividade

Um dos principais benefícios da motivação no trabalho é o aumento da produtividade. Não há dúvidas que colaboradores motivados costumam produzir muito mais do que o normal e com maior qualidade. Por isso, a empresa deve enxergar as melhorias para motivação como um investimento que irá trazer um bom retorno para os negócios.

Contribui para o trabalho em equipe

Além de proporcionar o engajamento com as suas próprias tarefas, a motivação no trabalho também melhora os relacionamentos interpessoais e contribui para o trabalho em equipe. Isso porque colaboradores motivados se unem para bater as metas e alcançar os objetivos da empresa.

Proporciona a otimização do tempo

Quando há motivação no trabalho, os colaboradores são mais produtivos e realizam suas tarefas em menos tempo e de forma eficiente. Com isso, o profissional contribui para o desenvolvimento da empresa e acelera o seu crescimento. Afinal, o tempo não estará sendo desperdiçado. 

Melhora o clima organizacional

Todos esses fatores proporcionam a melhora do clima organizacional. Um ambiente de trabalho com pessoas motivadas e engajadas melhora as relações interpessoais e promove um clima saudável, harmonioso e colaborativo.

Como aumentar a motivação no trabalho? Veja 5 práticas

Confira 5 práticas eficientes para aumentar motivação no trabalho de seus talentos:

1. Calendário esportivo

Ter um calendário esportivo na sua empresa deflagra dois efeitos colaterais positivos: fomenta a qualidade de vida que os exercícios físicos acarretam e promove a integração entre os colaboradores, alguns dos quais, por trabalharem em áreas geograficamente distantes na empresa, não teriam muitas chances para interagir entre si.

O ideal é eleger um “dono” do projeto (que goste de esportes, de preferência) para organizar as atividades. Ele deve fazer uma pesquisa junto aos funcionários para eleger os esportes preferidos.

Para divulgar o calendário, criar um hotsite é uma boa opção. Além dele, e-mails e folders cumprem o papel de comunicar aos colaboradores sobre os esportes.

Depois das atividades, é interessante publicar fotos e resultados para atrair ainda mais funcionários. Premiações também atuam como incentivadores importantes.

Dicas

  • Procure esportes que homens e mulheres possam jogar juntos, como corrida. Esportes ao ar livre são boas opções;
  • Enfatize a importância de todos participarem e comunique que os líderes também participarão;
  • Organizar premiações esporádicas incentiva mais colaboradores a participar.

2. Quiz corporativo

Sentir-se parte da estratégia da empresa estimula o colaborador de qualquer nível hierárquico. Sabe qual é um dos instrumentos mais eficazes para promover esse engajamento? O quiz corporativo.

Ele é um questionário com perguntas de múltipla escolha acerca da história da empresa, suas marcas, seus produtos, seus objetivos ou algum outro assunto relativo ao negócio.

Alguns exemplos de perguntas:

  1. Qual foi a primeira filial de nossa empresa?
  2. Qual foi o crescimento em número de clientes no ano de 2019?
  3. Qual nosso principal diferencial perante aos concorrentes?
  4. Qual o produto com o maior peso em nosso faturamento?
  5. Qual foi o crescimento de nosso mercado de 2019 para 2020?

Além de lúdico e divertido, o quiz alinha a comunicação empresarial.

Dica

  • Aproveite ferramentas como o Google Sheets ou o Survey Monkey para organizar o questionário.

3. Super integração

Um processo de integração bem orquestrado pode fazer a diferença no engajamento dos talentos contratados pela organização. E nesse processo, a atenção aos detalhes é fundamental.

Mais do que uma apresentação inócua em PowerPoint e a leitura de um manual, a integração do novo colaborador pode contar com as seguintes práticas:

  • Organizar um belo café da manhã com apresentação do funcionário à maior liderança da empresa presente no dia;
  • Realizar cadastro do colaborador com foto e informações pessoais – como hobbies e interesse – para publicar em um mural (digital ou físico) de “boas-vindas” para que os outros funcionários o conheçam melhor;
  • Acompanhar o novo colaborador até a mesa e apresentá-lo a todos da equipe, que deve bater palmas como sinal de boas-vindas a ele;
  • Fornecer um organograma detalhado da empresa e uma lista de ramais ao novo funcionário.

4. IR para todos

É comum que as pessoas deixem para fazer a declaração do imposto de renda aos 45 minutos do segundo tempo. Aí reside uma grande oportunidade para a sua empresa galvanizar o engajamento dos colaboradores: auxiliá-los na declaração.

É uma prática barata e frutífera do ponto de vista de motivação. O primeiro passo é chamar o contador da empresa, ou contratar um consultor tributário, para dar um curso à sua equipe. O curso deve ser ministrado pelo menos um mês antes do prazo final para a entrega da declaração.

Depois, divulgue as aulas tributárias por meio de todos os canais internos disponíveis e saliente a preocupação da empresa em ajudar seus profissionais a fazer a declaração do imposto de renda.

5. Professores colaboradores

Nessa prática, o profissional de uma área prepara uma oficina para explicar aos colaboradores de outras áreas como o departamento em que ele atua funciona. Dessa forma, os “alunos” adquirem uma visão mais cristalina sobre a organização como um todo e, ao mesmo tempo, são preparados para uma eventual mudança de área.

Primeiro, é importante determinar quais colaboradores têm o perfil para conduzir uma oficina na qual vai destrinchar seu departamento para os outros funcionários. Se o colaborador escolhido conseguir atrair muitos interessados ao seu workshop, dê a ele um prêmio compatível com o seu orçamento.

A segunda etapa é criar templates com a identidade visual da sua empresa para que os professores usem como base no momento de montar a oficina. Reserve também o espaço onde o workshop vai ser ministrado, com, no mínimo, café e água. Se for propício, crie um certificado.

Sugerimos que as oficinas durem entre 15 e 45 minutos, como no máximo 10 slides em cada apresentação.

Em seguida, você deve lançar mão dos canais disponíveis para divulgar os workshops. Acoplado à divulgação, deve constar um agendamento de inscrição e uma explicação mostrando o quão importante é a presença do colaborador para aprender sobre as demais áreas da empresa.

Como motivar os colaboradores no home office?

O trabalho remoto cresceu exponencialmente durante a Pandemia causada pelo Covid-19. Contudo, por não ser presencial, esta modalidade pode dificultar a vida dos gestores em relação à motivação no trabalho. Separamos algumas dicas para te ajudar neste desafio:

  • Evite o uso de diversas ferramentas online. Isso pode dispersar os colaboradores e atrapalhar a comunicação. Portanto, busque uma que contenha as principais funcionalidades necessárias para a execução das tarefas e para o relacionamento com os demais da equipe;
  • Em vez de se preocupar se o colaborador está o tempo todo online, estabeleça prazos, metas, objetivos e acompanhe o progresso dos resultados;
  • Tenha um meio de acompanhar o trabalho sem que seja preciso perguntar ao colaborador a todo tempo sobre o status atual das tarefas;
  • O foco no trabalho home office é mais difícil de ser alcançado. Portanto, evite colocar outras tarefas como urgentes enquanto o colaborador já está realizando outra atividade. Interrompa apenas quando for realmente algo inadiável;
  • Ofereça treinamentos de gerenciamento de tempo e os auxilie sempre que puder com dicas para uma melhor produtividade;
  • Não perca a cultura da empresa. Se uma vez por mês os colaboradores se reúnem para uma confraternização, mantenha essa prática presencialmente;
  • Sempre reconheça os bons trabalhos dos profissionais e torne isso visível para a empresa. Isso será um combustível de motivação.

Os impactos da pandemia na motivação dos colaboradores

O momento atual em que estamos vivendo trouxe grandes impactos na motivação no trabalho. Isso porque os colaboradores estão muito mais propensos a passar por crises de ansiedade, frustrações e até mesmo perdas. Por isso, é imprescindível que os gestores saibam lidar com sua equipe neste período e saibam como manter a motivação e engajamento de toda a equipe. Veja abaixo algumas dicas:

  • Esteja mais próximo dos funcionários, observe suas reações e dê suporte sempre que for necessário. A empresa pode oferecer conteúdos de orientação, de impactos no trabalho, segurança, perspectiva e notícias recorrentes sobre o avanço da situação;
  • Entenda o contexto que todos estão vivendo e procure entender as demandas de cada colaborador durante esta fase. Faça reuniões individuais e tente compreender a realidade da sua equipe;
  • Saiba lidar com o assunto da Pandemia de forma delicada, empática e que não afete ninguém negativamente. Afinal, o colaborador pode ter tido uma perda familiar recente e estar sensível às notícias;
  • Manter metas e objetivos claros continua sendo uma excelente estratégia neste período. Por isso, estabeleça onde a empresa deseja chegar em meio às mudanças;
  • Promova uma cultura de reconhecimento e recompensas mais forte durante este período para engajar os colaboradores.

Como avaliar a motivação dos colaboradores?

Talvez você esteja se perguntando como avaliar se todas essas dicas vão dar certo e como atualmente a sua equipe se encontra em relação à motivação no trabalho. Para te auxiliar nesta tarefa, você deve utilizar alguns indicadores. Veja abaixo quais são eles:

  • Produtividade diária: já citamos aqui o quanto a motivação tem ligação direta com os resultados. Para medir a produtividade dos colaboradores, é possível criar metas e objetivos diários em um calendário de tarefas para analisar se elas foram cumpridas dentro do prazo;
  • Taxa de turnover: os altos índices de rotatividade de colaboradores pode significar a insatisfação e a falta de motivação no trabalho.
  • Pesquisa de clima organizacional: os questionários são fundamentais para entender como está o clima da empresa e como os colaboradores estão vivenciando seu dia a dia de trabalho. Se o clima está ruim e cheio de conflitos, consequentemente a motivação irá diminuir;
  • NPS: os colaboradores podem avaliar o ambiente de trabalho por meio do NPS, que é um questionário com notas de 0 a 10, partindo de respostas como “de jeito nenhum” até “com toda a certeza”. 

8 frases de trabalho em equipe para motivar o seu time

Embora a rotina profissional e a necessidade de realizar as tarefas diárias em conjunto com outros colegas de empresa não seja uma ideia muito atraente para alguns – especialmente, os que buscam alguma autonomia no trabalho – ter algumas frases de motivação para o trabalho em equipe ao alcance é algo que pode ser de grande ajuda no dia a dia.

Pensando nisso, confira frases de motivação para o trabalho em equipe que podem ajudar você e os seus subordinados a seguir com animação e inspiração no dia a dia profissional.

  • “A verdadeira motivação não é aquilo que te anima, mas aquilo que te transforma.” – Bárbara Coré
  • “Eu sou parte de uma equipe. Então, quando venço, não sou eu apenas quem vence. De certa forma termino o trabalho de um grupo enorme de pessoas!” – Ayrton Senna
  • “Todos são peças importantes no trabalho em equipe, cada um representa uma pequena parcela do resultado final, quando um falha, todos devem se unir, para sua reconstrução.” – Salvador Faria
  • “Se você duvida de você mesmo, não vai encantar sua equipe nem o mercado. Isso não é necessariamente vaidade. É, antes de tudo, confiança.” – Eike Batista
  • “Compromisso, trabalho em equipe e melhoria contínua são chaves para conquistar excelência em qualidade e satisfação dos clientes.” – Marcelo Sousa da Silva
  • “Você tem de agir, e tem que estar disposto a fracassar. Se você tem medo de fracassar, não irá muito longe.” – Steve Jobs
  • “Trabalhar em equipe não significa que todos tenham que fazer tudo, mas sim ter a consciência do todo e do papel de cada um neste todo.” – Daniel Godri Junior
  • “Para que o trabalho em equipe funcione, cada membro precisa usar a seguinte fórmula: um punhado de bom senso, duas xícaras de coleguismo, uma jarra cheia dos objetivos do grupo, e uma pitada de sincronismo.” – Josianne Corrêa Cardoso

Gostou deste artigo? Que tal continuar a entender sobre qual é o papel do RH na motivação no trabalho? Clique aqui para baixar o nosso ebook gratuito!

New call-to-action

Marcelo Furtado

Marcelo Furtado é administrador de empresas com pós-graduação em engenharia financeira pela Poli-USP. Iniciou sua carreira na Pepsico e posteriormente trabalhou 8 anos com gestão de ativos em hedge funds. É cofundador da Convenia, primeiro software na nuvem de gestão de departamento pessoal voltado para pequenas e médias empresas no Brasil. Marcelo também atua como professor de Marketing Digital na ESPM-SP e mentor na ACE e Google Campus.