Business Partner: o papel desse profissional no RH

Business Partner: o papel desse profissional no RH

Business Partner: o papel desse profissional no RH

As organizações modernas enfrentam grandes desafios para se manterem competitivas no mercado em que atuam. Um desses desafios é traçar estratégias eficientes que levem ao crescimento do negócio. Para isso, as empresas precisam do seu capital humano e da influência que o RH tem sobre ele. E uma boa maneira de alcançar esse objetivo é contratando um Business Partner.

Neste artigo, explicaremos sobre a atuação desse tipo de profissional. Mostraremos também quais são as habilidades requeridas e como se tornar um Business Partner. Acompanhe os próximos tópicos!

O que é Business Partner?

O Business Partner, ou em português: parceiro de negócios, é um profissional responsável por promover a integração entre as estratégias da empresa e o setor de recursos humanos. Na prática, o Business Partner atua junto às lideranças da organização. Ao mesmo tempo em que se relaciona com a gestão de pessoas feita pelo RH.

Sendo assim, podemos dizer que esse profissional tem uma visão ampla da organização. O que o torna capaz de identificar áreas da gestão de pessoas que precisam ser melhoradas ou modificadas. Dessa forma, a equipe de colaboradores é alinhada com as expectativas, metas e objetivos da organização.

De acordo com o livro “Human Resources Champions”, do escritor David Ulrich, o Business Partner é um profissional essencial para que as organizações cresçam de forma sustentável. O resultado disso é um negócio que atravessa as mudanças do mercado, mas permanece sólido ao longo do tempo.

Qual o papel do Business Partner no RH?

O Business Partner, normalmente é um profissional experiente na área do RH. Por isso, em muitas empresas, ele integra o conselho da presidência e o comitê de gestão de pessoas. Dentre suas muitas atribuições, podemos destacar:

  • Criação de estratégias que ajudem a empresa a atingir seus objetivos;
  • Propor soluções para as demandas interna do negócio;
  • Realizar um planejamento e uma análise profunda dos processos organizacionais;
  • Alinhar o relacionamento entre o RH, gestores e times  que executam os projetos internos;
  • Fazer o treinamento e desenvolvimento dos colaboradores do RH com base em metodologias eficientes;
  • Otimizar o desempenho, a satisfação e a qualidade de vida no trabalho das equipes;
  • Desenvolver líderes;
  • Analisar dados e reconhecer falhas internas que reduzem a produtividade e o crescimento da empresa.

Por que contratar este profissional? 

No atual cenário do mundo corporativo, a velocidade e a qualidade das decisões são essenciais para o sucesso de uma empresa. Como as mudanças acontecem de uma hora para a outra, uma organização que é bem direcionada consegue se adaptar com mais facilidade e não perde o foco.

Essa é exatamente a função do Business Partner. Com a ajuda desse parceiro estratégico, o negócio recebe o direcionamento necessário para evoluir no mundo corporativo. Afinal, esse profissional entende como conectar os valores e as perspectivas organizacionais com as equipes internas.

Diante dessa junção, a empresa percebe a otimização das tarefas, o aumento do engajamento dos seus colaboradores e o progresso na área de atuação. Podemos dizer que a contratação de um Business Partner pode ser um divisor de águas tanto para a organização quanto para a gestão de pessoas feita pelo RH.

Habilidades necessárias

Ao analisar as atribuições do Business Partner, notamos que engloba grandes responsabilidades. Uma vez que envolve ter um conhecimento profundo em gestão de negócios e de pessoas. Mas quais são as habilidades que tornam esse profissional capaz de dar conta de todo esse trabalho? A seguir, veremos algumas delas.

Saber Planejar

Para executar bem as estratégias e ações da empresa, o Business Partner precisa ser um bom planejador. Isso significa compreender os desafios enfrentados pela empresa, ouvir feedbacks de líderes e traçar as melhores soluções para o sucesso do negócio. Com todo esse acervo de informações, o profissional apresentará o planejamento aos gestores e mostrará como colocá-lo em prática.

Ser um bom executor

O Business Partner é um profissional proativo e dedicado à realização das estratégias que foram planejadas. Em outras palavras, ele é um bom executor. Para isso, acompanha a evolução das ações, monitora as métricas de desempenho (KPIs) e avalia os resultados. Dessa forma, é possível propor melhorias e modificações.

Prever Riscos

Talvez, a empresa esteja tomando um rumo que pareça vantajoso, mas trará prejuízos no futuro, como uma expansão de negócios. Com uma visão ampla e generalista, o Business Partner consegue prever esses riscos e antecipar medidas preventivas para minimizá-los.

Mediar Interesses

Pode acontecer da liderança ter uma opinião sobre as metas do negócio e a área de RH ter outra completamente diferente. Se isso acontecer, as equipes não ficarão alinhadas com os gestores. Um bom Business Partner consegue conciliar os interesses e encontrar um consenso entre essas áreas.

Lidar com posições de liderança

Como dito, o Business Partner pode integrar o conselho da presidência de uma empresa. Isso envolve lidar diretamente com a alta administração. Sendo assim, esse profissional precisa estar preparado para construir uma relação de respeito e confiança com os líderes da empresa.

Como se tornar Business Partner?

Caso um profissional queira atuar como Business Partner, é necessário desenvolver algumas habilidades. A seguir, falamos quais são elas.

Tenha uma visão macro da empresa

Um BP precisa olhar para a empresa como um todo e não de forma limitada. Dessa forma, o profissional perceberá as necessidades e desafios da gestão de pessoas. Além disso, entenderá a estrutura do negócio e seus subsistemas.

Busque informações além do setor de RH

Além da área de RH, o Business Partner conhece também setores correlacionados, como: financeiro, departamento pessoal, tecnologia da informação e contabilidade. Não quer dizer que é especialista em todos eles, mas sabe como funcionam e impactam na gestão do negócio.

Desenvolva seu relacionamento interpessoal

O Business Partner lida muito com pessoas. Por isso, é necessário que tenha facilidade em relacionar-se com os outros. Sendo assim, quem deseja atuar nessa área precisa desenvolver habilidades como empatia, escuta ativa e comunicação.

Enfim, o Business Partner é uma profissão que tende a se valorizar nos próximos anos. Afinal, os efeitos das crises econômicas e a competição acirrada entre as organizações, exige que as empresas tenham um foco estratégico. E como vimos, esse é o papel do Business Partner. O que achou do nosso artigo? Entendeu o que é e as atribuições do Business Partner RH? Quer aumentar os seus conhecimentos sobre a área de RH? Então, baixe agora mesmo o nosso Manual de normas e políticas internas.

New call-to-action

Marcelo Furtado

Marcelo Furtado é administrador de empresas com pós-graduação em engenharia financeira pela Poli-USP. Iniciou sua carreira na Pepsico e posteriormente trabalhou 8 anos com gestão de ativos em hedge funds. É cofundador da Convenia, primeiro software na nuvem de gestão de departamento pessoal voltado para pequenas e médias empresas no Brasil. Marcelo também atua como professor de Marketing Digital na ESPM-SP e mentor na ACE e Google Campus.

Contribua com este post