Gestão de pessoas: o que é e como fazer? Pilares e estratégia

Gestão de pessoas: o que é e como fazer? Pilares e estratégia

Tempo de leitura: 19 minutos

Empresas em que há muitas demandas executadas com qualidade podem contar com colaboradores que se sentem desvalorizados, e isso é mais comum do que possa se imaginar. Aí começa a importância da gestão de pessoas.

Ainda existem muitos gestores que só enxergam funcionários como parte do processo operacional e não dão muita importância à equipe. É justamente por esse e outros cenários que a gestão de pessoas é importante para o êxito de todo e qualquer empreendimento.

Foi pensando em melhorar o ambiente organizacional que criamos este conteúdo para mostrar a importância da gestão de pessoas. Neste texto, vamos abordar os principais pontos sobre o assunto. Além disso, aprenda a reter os talentos de maneira prática e simples por meio do nosso e-book gratuito. Boa leitura!

A gestão de pessoas passa pelo processo de retenção de talentos. Aprenda a reter os talentos na sua empresa de maneira prática e simples através de nosso E-book gratuito!

O que é gestão de pessoas?

Também conhecida como administração de recursos humanos, é uma associação de habilidades, metodologias, políticas, técnicas e práticas que são definidas, com o objetivo de administrar os comportamentos internos e potencializar o capital humano dentro de empresas.

A gestão de pessoas se dá por meio da participação, capacitação, envolvimento e desenvolvimento de funcionários de uma empresa. Muitas vezes, é confundida com o setor de Recursos Humanos, no entanto esse departamento envolve as técnicas e mecanismos que os profissionais utilizam e a gestão de pessoas tem como objetivo a valorização dos colaboradores.

Ela deve ser feita pelos gestores e diretores, porque é uma área que requer capacidade de liderança e visa ao desenvolvimento e à colaboração para o crescimento da instituição e do próprio profissional.

Qual é sua importância?

A gestão de pessoas está entre os maiores desafios para o RH de uma empresa e, embora a captação e a retenção de novos talentos ainda seja tida como uma das funções principais deste segmento, o segredo do sucesso de companhias está no fato de ter uma equipe engajada e motivada: algo que só pode ser alcançado através de um bom gerenciamento de funcionários e colaboradores.

Ao se ter em mente que o líder de uma equipe deve priorizar tanto a gestão de pessoas, quanto a de processos e políticas da empresa, cabe aos profissionais de RH oferecer as ferramentas adequadas para que o líder possa gerenciar seu time da melhor forma possível.

Avaliações de performance, satisfação e engajamento das equipes da empresa não podem ser desprezadas em momento algum, uma vez que é a partir destes resultados que o RH poderá traçar um planejamento concreto e coerente com as necessidades de cada setor de uma empresa.

Essas análises oferecem ainda, dados para que possam ser planejados programas de treinamento específicos dentro da corporação, possibilitando a melhoria de desempenhos particulares e coletivos, além da identificação de novos talentos dentro da empresa, permitindo a combinação de estratégias para aumentar o nível de performance e conhecimento de funcionários. A partir de agora, você verá uma lista com 5 práticas essenciais para uma boa gestão de pessoas.

Faça contratações certas

Comece buscando os perfis adequados e com potencial para oferecer alta performance. Isso envolve técnicas de recrutamento e seleção que ampliam a precisão da escolha e fazem o gestor escolher os colaboradores que a empresa precisa.

Então, um processo seletivo mais eficiente deve ser buscado constantemente pelo setor de RH a fim de evitar problemas como alta rotatividade e retrabalhos — além de contribuir com o orçamento com uma redução significativa em contratação de pessoal.

Busque constantemente a melhoria da performance

Fala-se muito em cursos para capacitar e treinar a equipe, mas a verdade é que o ideal é estabelecer uma cultura voltada para a atualização contínua e isso envolverá um programa de capacitação.

Todos esses treinamentos devem seguir uma linha estratégica, ou seja, não basta capacitar por capacitar, é preciso observar as demandas e as necessidades do negócio para estabelecer um alinhamento rígido entre capacitação e evolução estratégica.

Nesse cenário, uma atitude fundamental é mensurar em relatórios e números precisos o antes e depois das capacitações para avaliar a eficácia e identificar os pontos que merecem maior atenção.

Conquiste um clima organizacional positivo

O desenvolvimento da alta performance depende de uma série de suportes. Entre os mais importantes, destacamos equipamentos, ambiente e conforto. O conjunto dessas bases retorna um nível de satisfação maior entre os colaboradores e favorece o aumento de produtividade.

Além disso, é preciso trabalhar um sistema remuneratório atrativo, com benefícios interessantes e diferenciais como premiações, viagens, entre outros, para que o corpo de funcionários tenha um clima de positividade na rotina.

Essa ação também gera retorno altamente positivo em redução de custos com demandas negativas como turnover, presenteísmo e absenteísmo. Finalmente, o estresse é combatido nesse caso, já que o clima leve reduz a tensão do dia a dia de trabalho.

Coloque a gestão de talentos em prática

Pessoas representam um ativo muito valioso no ambiente organizacional. Uma visão mais atualizada sobre colaboradores envolve o desenvolvimento de talentos. Nesse sentido, é preciso aprimorar capacidades e despertar habilidades em potenciais líderes ou funcionários de alta performance. A gerência de talentos compreende desde a captação até a manutenção de ótimos funcionários.

Como são pessoas especiais, merecem um tratamento focado em um forte sistema de recompensas que retribua o que ele oferece para os resultados. Além disso, a imagem e a reputação da empresa perante os concorrentes e o mercado são muito ampliadas. Essa visibilidade positiva atrai a atenção de concorrentes e favorece uma disseminação espontânea do valor da marca para a sociedade.

Quais são os 5 pilares da gestão de pessoas?

A gestão de pessoas é algo complexo, por isso ter bases para seu desenvolvimento e manutenção é algo de grande importância. Vamos mostrar agora quais são os 5 pilares desse processo.

1. Treinamento e desenvolvimento

Essas duas palavras remetem à capacitação do corpo de funcionários, mas não são conceitos exatamente iguais. Para um bom gestor, é obrigação entender que um sistema tem diferenças importantes em relação ao outro.

O treinamento, como o próprio nome diz, exercita o funcionário para uma atividade específica. Nesse caso, ele tende a retornar resultados melhores a partir de uma prática mais forte em determinada demanda.

Já o desenvolvimento compreende uma série de habilidades e competências que são absorvidas ao longo de um treinamento em vários assuntos. Espera-se, então, que ao final o perfil do funcionário esteja mais amplo e preparado para novas responsabilidades além de seu nível atual.

Incentivar o desenvolvimento dos colaboradores tem ganhado cada vez mais espaço nas empresas. Esse processo capacita e faz com que os colaboradores se tornem mais motivados. A melhor forma de investir nesse ponto se dá por meio de treinamentos.

Um controle adequado dessa demanda ocorre pelo que chamamos de gestão de desempenho, ou seja, serão verificadas as respostas que os funcionários entregarão diante das novas demandas de acordo com o perfil de capacitação. Então, é natural que, após o sistema de capacitação, os relatórios mostrem uma curva de crescimento na produtividade empresarial.

2. Comunicação

A comunicação é uma demanda essencial quando se trata da gestão de pessoas, pois melhora a interpretação correta de ordens, planejamentos estratégicos, interações entre funcionários e atendimento ao cliente.

Nesse cenário, é importante que o discurso seja o mesmo e que a linguagem siga um padrão adequado e alinhado à cultura, missão, visão e valores empresariais. Dessa forma, a organização tende a transmitir um mesmo pensamento e identidade para a sociedade como um todo.

Uma via de comunicação bilateral é fundamental para a manutenção de um ambiente favorável de trabalho, além de permitir que os demais pilares sejam colocados em prática. Todos devem estar cientes do objetivo e dos processos internos para que desempenhem suas atividades da melhor forma possível, além de se sentirem livres para expressar opiniões, apontar problemas e propor soluções.

Outro valor fundamental da comunicação é percebido em administração de conflitos. Nesse caso, soluções mais rápidas e eficazes são aplicadas, evitando a quebra de produtividade e mantendo a sinergia da equipe.

3. Liderança

A liderança é uma função de suma importância no ambiente empresarial. Ainda que o funcionário não ocupe exatamente esse tipo de cargo, é válido que ele apresente essa competência para enriquecer o nível do time de funcionários.

A captação e retenção de talentos contribui para identificar perfis como esse e auxilia na gestão mais precisa das pessoas que a empresa tem. Além disso, esse perfil tem potencial para substituir uma ausência importante e manter o nível de excelência de um setor.

Ter um líder é fundamental para a gestão de pessoas, uma vez que essa figura gera motivação na equipe. Mas uma liderança vai além disso. Saber ouvir, resolver conflitos, orientar, ser flexível e atuar como um mentor são habilidades necessárias para gerenciar pessoas e fazer com que a empresa tenha êxito.

4. Processos

Os processos compõem a rotina de trabalho do empreendimento. Devem ser claros e bem-definidos, obedecendo a um cronograma rígido e atendendo a uma hierarquia de trabalho determinada.

Para que os processos sejam efetivamente administrados, é importante realizar uma boa gestão de fluxo de trabalho. Nesse caso, o gestor analisa o andamento do serviço e compara com o desempenho apresentado pelo corpo de funcionários.

Ter processos claros e definidos também é importante para gerenciar pessoas de maneira estratégica, uma vez que atividades de diferentes setores se relacionam e impactam uns aos outros. Por isso, elaborar processos de acordo com as expectativas, definir metas e responsáveis por cada etapa e acompanhar a execução de tudo isso é muito importante.

5. Trabalho em equipe

Como mostramos nos pilares anteriores, a empresa é composta por diferentes setores que, embora não trabalhem diretamente entre si, atuam de maneira conjunta em prol de um objetivo comum.

O trabalho em equipe tende a favorecer uma performance maior. Esse pensamento entende que um conjunto pode entregar um valor muito mais forte do que a individualidade. Nesse cenário, é importante que o gestor incentive o engajamento dos funcionários com as metas e objetivos empresariais. Então, essa harmonia deverá retornar resultados mais expressivos.

Como tornar esse processo mais eficiente?

Depois de compreender que ir além da simples execução de processos e que o RH está diretamente ligado à gestão de pessoas, veja algumas dicas de como tornar esse processo mais eficiente.

Invista em análise de dados

A análise de dados é muito importante no processo de gestão de pessoas, uma vez que para quantificar sua eficiência é necessário medir dados. Sendo assim, é importante atuar em duas vertentes de análise de dados.

A primeira delas é a coleta de indicadores, que são capazes de trazer resultados sobre o próprio trabalho do RH e sobre aspectos gerais, como produtividade e satisfação dos colaboradores.

A outra forma de atuação é uma tendência mais recente e visa cruzar dados sobre o comportamento e o desempenho das pessoas, permitindo que se trace padrões e tomadas de decisões mais assertivas. Essa prática é conhecida como People Analytics.

Analise o comportamento humano

Outra maneira de tornar a gestão de pessoas eficiente se dá através do mapeamento e análise do comportamento humano. Para isso, a melhor opção é investir em mapeamento comportamental baseado em metodologia DISC com acurácia garantida.

Esse teste permite coletar mais de 50 informações sobre o comportamento de cada colaborador ou candidato e ainda serve de base para o people analytics. Os benefícios de se avaliar o comportamento humano são inúmeros e geram muito valor ao RH e consequentemente à empresa.

Compreenda o negócio

Conhecer sua empresa de maneira global é muito importante. Como você vai ter capacidade de opinar sobre decisões de negócio e ser ouvido se não conhece a fundo a atividade da empresa? Como vai executar a gestão de pessoas de diferentes áreas sem conhecer os objetivos e metas dos diferentes setores?

Por isso, buscar conhecimento interno é importante. Conversas com lideranças, colaboradores e com a alta direção são algumas opções. Além disso, conhecimentos de fontes externas também são bem-vindos para otimizar a gestão de pessoas e manter a empresa caminhando nos trilhos.

Como melhorar as práticas de gestão de pessoas nas empresas?

Por fim, quanto mais suave e correta for a gestão de pessoas, mais positivos serão os resultados. Por isso, adotar boas práticas para realização desse processo também é importante. Confira as dicas principais para isso.

1. Otimize o diálogo

O diálogo dentro de qualquer empresa é uma importante ferramenta, capaz de manter todos os funcionários informados e alinhados. Contudo, infelizmente, alguns gestores e empreendedores ainda não dão a devida atenção ao assunto

Muitos conflitos acontecem simplesmente por falta de comunicação. Para melhorar a comunicação, é importante que todos estejam comprometidos com o assunto, especialmente os seus líderes, uma vez que a comunicação é vista como algo crucial para alcançar grandes resultados.

O diálogo, seja ele presencial ou através de canais de comunicação como mural de recados, intranet, e-mails corporativos, softwares ou aplicativos é fundamental nesse processo.

2. Aprimore o processo de atração de talentos

A atração de talentos é fundamental para qualquer organização que deseja se destacar. Para atrair gente talentosa, é necessário otimizar o processo de recrutamento e seleção, tornando-o mais ágil, simples, eficiente e menos dispendioso.

As melhores formas de aprimorar esse processo são:

  • estabelecer presença nas redes sociais;
  • criar uma página de carreiras;
  • utilizar os colaboradores como embaixadores da sua marca;
  • respeitar todos os candidatos à vaga de emprego.

3. Recompense as conquistas dos profissionais

Quando um profissional é recompensado por suas conquistas, cria-se o senso de meritocracia, fazendo com que colaboradores vislumbrem que podem ser recompensados por fazer mais. Quando os trabalhadores entendem essa mensagem, passam a produzir mais e melhor, e de modo automático, resultados ainda melhores virão.

4. Mantenha o time treinado

Quando um colaborador está treinado, ele consegue desempenhar suas tarefas diárias com mais agilidade e eficácia.

Além disso, se torna capaz de atender melhor aos clientes da empresa e solucionar problemas que surgem ao longo do dia. Mas antes de começar qualquer tipo de treinamento, é necessário saber qual é o processo de capacitação que o funcionário ou equipe precisam.

Para isso, recomenda-se pesquisar os conhecimentos, habilidades e atitudes que devem ser aprimorados.

5. Use a tecnologia a seu favor

O processo de gestão de pessoas possui a tecnologia como grande aliada. Nos dias de hoje, por meio do uso de softwares, é possível facilitar todo o processo de RH, automatizando uma série de processos burocráticos.

Dessa forma, é possível ter mais tempo para cuidar das atividades estratégicas da empresa, como atrair e reter talentos, treinar equipes, além de ter acesso a uma série de outros dados relevantes em tempo real.

Como fazer isso de forma estratégica?

Todos os processos vistos compõem a base para uma gestão de pessoas de excelência. Na escalada dessa demanda, o ápice da pirâmide se encontra nas estratégias utilizadas. É possível transitar entre a gestão eficiente e estratégica. Algumas características contribuem para esse aprimoramento. Veja agora algumas delas.

Defina os objetivos esperados com a gestão de pessoas

Essa inteligência está em ampliar a visão de resultados e realizar uma avaliação mais completa e focada. Estabelecer índices mais desafiantes e competitivos é uma excelente forma de motivar a equipe para voos mais altos.

É preciso pensar o potencial de chegada e como oferecer meios sólidos para que o time atinja esses objetivos mais fortes. A partir disso, acompanhe o desempenho e auxilie a construir uma cultura de superação de expectativas.

Avalie recursos e competências necessárias

Os meios para alcançar os fins são essenciais nesse caso. É possível ter perda de performance por falta de equipamentos ou capacitações. Nesse sentido, uma atitude importante é avaliar o capital intelectual atual da organização e estabelecer novas capacitações compatíveis com o objetivo a que se pretende chegar.

Descubra a verba necessária e o parceiro ideal para desenvolver essa parte e aplique para aprimorar os resultados. Além disso, estabeleça um tempo próximo do ideal para esse alcance.

Faça a previsibilidade das necessidades da empresa

Falando exclusivamente sobre tempo, é muito essencial ter uma inteligência de previsibilidade de implementações. De nada adianta vislumbrar uma alta performance em um espaço impossível de tempo.

Lembre-se de que as competências e habilidades passam por um período de maturação e somente após a prática é que a equipe perceberá os ganhos obtidos no sistema de capacitação. Logo, é preciso equilibrar o tempo necessário para o atendimento das necessidades da empresa e o ideal para a capacitação e preparação do corpo de funcionários para superar essas expectativas.

Implemente softwares desenvolvidos especialmente para a gestão de pessoas

Um carro-chefe nessa implementação de gestão estratégica de pessoas é se adequar à transformação digital e implementar ferramentas tecnológicas especiais nessa demanda. No mercado, há soluções digitais robustas e essa escolha é essencial para gerar um diferencial ao gestor e à empresa em que ele trabalha, trazendo mais valor estratégico.

Essa cultura digital deve ser retransmitida para o corpo de funcionários, fazendo com que toda a organização tenha uma mentalidade para digitalizar ações, procedimentos e rotinas mais mecânicas. Tudo isso contribui para otimizar tempo e recursos financeiros para ações mais estratégicas de crescimento. O gestor tem a responsabilidade de assumir o papel de iniciativa em novas tecnologias para que as pessoas sigam essa linha.

Crie uma cultura colaborativa

Desperte um espírito de colaboração entre líderes e demais profissionais. Faça-os entender que o alcance de resultados passa por um cenário de colaboração em direção às metas e objetivos empresariais.

Esse entendimento é muito importante para fortalecer a harmonia e a sinergia de equipe. Dessa forma, eventuais problemas que podem surgir interna ou externamente são facilmente superados. Incentive as lideranças a participarem ativamente dos projetos e, caso você seja o principal gestor, assuma a responsabilidade de dar andamento ao fluxo de trabalho com ação e iniciativa.

Aprimore a motivação dos funcionários

A motivação é uma base importante para o alcance de objetivos mais estratégicos. Essa prática não se completa por meio de remuneração apenas: é preciso trabalhar ações de reconhecimento e valorização do funcionário no ambiente de trabalho.

Além disso, uma boa prática é dar voz a um talento pra que ele se sinta útil no pensamento da empresa. É preciso se mostrar prestativo com suas demandas e dificuldades e ser parceiro no crescimento.

É simples notar que essas são excelentes práticas para a gestão de pessoas. Ao serem aplicadas, a produtividade dos funcionários e do negocio aumentará, tornando-o mais sólido, próspero e saudável ao gerar cada vez mais lucros.

Por isso, essa gestão precisa ser implementadas nas empresas. Absorver as demandas estratégicas será de grande ajuda no aumento da performance e da produtividade do time de funcionários.

Complemente seu conhecimento em gestão de pessoas baixando nosso e-book sobre as principais tendências de 2020 no setor de RH

banner_post_retencao_de_talentos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *