Como estabelecer metas para os funcionários?

Tempo de leitura: 7 minutos

Definir metas é essencial para o desenvolvimento de campanhas de incentivo, programas de motivação ou para a premiação de funcionários. Esse é o primeiro passo para promover melhoria contínua e o aumento de produtividade em uma empresa.

Quer definir metas para os seus funcionários, mas não sabe como? Está em busca de motivação para os seus colaboradores? Então, baixe agora mesmo o nosso eBook GRATUITO!

Com isso em mente, confira dicas valiosas para o estabelecimento de metas para os colaboradores da sua companhia. Comece a desenvolver os projetos que podem dar saltos na produtividade e na eficiência do trabalho dos integrantes da organização.

Ficou curioso? Então, siga a leitura e confira!

O que são metas?

Você pode estar se perguntando qual a diferença entre metas e objetivos e por que saber defini-las é tão importante, certo? Para começar, podemos dizer que as metas são os passos necessários para se chegar a um objetivo.

Por exemplo: o objetivo é vender um número “X” de produtos em um ano e a meta é ter um número “Y” de produtos vendidos por semana ou por mês que, no cálculo final, fechará o valor necessário para cumprir o objetivo.

As metas são importantes, pois os objetivos soam muito complexos de atingir ao ser vistos em sua amplitude. Logo, conseguir vitórias diárias, semanais e mensais motiva os colaboradores a continuarem melhorando e conquistar, consequentemente, o objetivo final.

Quais as principais dicas para definir metas para os funcionários?

Agora que já sabemos o que são metas, vamos conferir, nos tópicos abaixo, as principais dicas para definir metas para os colaboradores de maneira realista e alcançável.

1- Conte com a participação dos colaboradores

Os funcionários devem participar do processo de definição de metas, possibilitando que sejam estabelecidos objetivos reais e com boas chances de resultados Isso ajuda a evitar o ressentimento de quem participa do processo.

Afinal, são eles os responsáveis pela realização do planejamento. Logo, nada mais justo do que participar da elaboração das metas e expor seu potencial e seus limites para que não fiquem sobrecarregados.

2- Reavalie os objetivos com frequência

A cada semestre, é necessário reavaliar metas, caminhos e resultados, certificando-se de que a empresa e seus funcionários estão no caminho certo. Essa etapa é muito relevante porque nem sempre as decisões tomadas no primeiro momento serão as melhores para colocar os planejamentos em prática.

Logo, fazer uma análise do que está dando certo e do que precisa ser aprimorado é indispensável para o alcance das metas.

3- Seja objetivo e saiba medir os resultados

Evite metas gerais, como “melhorar a atuação”. Opte por objetivos mais claros e reais, como “reduzir as reclamações de clientes em 20% até o fim do ano”.

Dessa forma, os colaboradores terão bases sólidas e mensuráveis para atuar e serão capazes de criar um plano de ações para tal. Quando as metas são muito subjetivas, é possível que o indivíduo se sinta confuso sobre o que deve fazer para gerar essa melhoria contínua.

4- Crie metas reais e que possam ser alcançadas

Projetos com metas inalcançáveis desmotivam colaboradores e raramente promovem os resultados desejados. Além disso, não é muito esperto investir tempo e finanças em ideias pouco realistas.

Afinal, além de não gerarem os resultados esperados, vão acarretar em várias consequências negativas para a empresa, bem como para seus funcionários.

5- Crie metas de acordo com as responsabilidades

Não defina metas diferentes para colaboradores com o mesmo nível de responsabilidade e atuação. Isso pode gerar grandes conflitos internos para a empresa.

Ou seja, busque definir metas compatíveis com o perfil de cada equipe e setor. Isso fará com que os times atuem em conjunto para atingir a meta e não como rivais buscando uma melhor colocação.

Para definir metas, é preciso promover o espírito de equipe e a cooperação mútua. Logo, delegar mais responsabilidades a um do que a outro indivíduo do mesmo time, não é uma ação certeira.

6- Monitore prazos e resultados

Fique de olho no cronograma proposto e não deixe que o controle do projeto se perca em meio à outras tarefas. Essa etapa é fundamental, pois é muito comum que uma equipe faça um excelente planejamento. Porém, não seja colocada em prática adequadamente, por conta das inúmeras tarefas do dia a dia.

É necessário tornar latente a necessidade de agir e, quem sabe, promover uma pequena comemoração a cada prazo cumprindo. Dessa forma, os profissionais ficarão motivados a cumprirem o que foi combinado nas datas certas.

7- Evite conflitos no processo

Defina metas de forma a não promover a rivalidade entre colaboradores mas, sim, a colaboração. Os conflitos e a competição não sadia acabam fazendo com que cada membro da equipe busque atuar de modo individual, sem cooperar com seus colegas e, muitas vezes, buscando atrapalhar o desempenho do outro.

Por isso, deixe claro que o vencimento de um representa, por consequência, o sucesso do outro. Dessa forma, todos estarão motivados a se ajudar e a conquistar juntos as metas definidas.

8- Promova o comprometimento do colaborador

Conecte o sucesso da empresa ao comprometimento e à atuação dos funcionários, incentivando o trabalho em equipe e oferecendo prêmios aos que ajudarem a gerar resultados e lucros para a organização.

Promover o comprometimento do colaborador é mostrar que ele é valorizado e que os bons resultados da empresa ajudarão no crescimento do funcionário. Logo, ele vai considerar a corporação uma extensão de sua casa.

9- Seja claro ao detalhar as metas

Não há nada mais danoso a um projeto do que a falta de clareza sobre o que se deseja dele. Afinal, isso pode gerar conflitos, pois cada colaborador vai compreender a demanda de um modo diferente e a comunicação será afetada.

Portanto, seja claro ao detalhar as metas, explique o que realmente se deseja do colaborador e quais são os passos que devem ser tomados para que se chegue ao resultado.

10- Crie metas de curto, médio e longo prazo

Para manter a motivação, é muito importante que existam metas mais fáceis de atingir enquanto se está no caminho de uma realização mais desafiadora. As pequenas vitórias serão o combustível necessário para que a equipe siga no caminho da melhoria e sucessos contínuos.

Quais são os benefícios de metas atingíveis?

As metas atingíveis geram incontáveis benefícios. Entre eles, podemos citar a motivação e o engajamento dos colaboradores, afinal, eles se sentirão úteis e valorizados.

Consequentemente, ocorre a maximização dos resultados, a melhoria do clima organizacional, bem como o crescimento na competitividade da empresa. Por isso é tão relevante definir metas atingíveis. Elas não precisam ser simples, mas devem ser possíveis de conquistar.

Como vimos, para definir metas, é necessário ter bastante disciplina, objetividade, clareza e comprometimento com a equipe, bem como com a corporação. O gestor deve ser capaz de compreender que não basta expor a meta, mas que é preciso acompanhar e ser empático à equipe. Assim, conquista um time de alta performance.

Agora que você já sabe como definir metas para seus colaboradores, que tal aprender sobre outro assunto importante para o sucesso de sua empresa? Leia, agora mesmo, nosso artigo sobre folha de pagamento!

motivacao_desempenho_rh

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *